Ultimas

domingo, 2 de fevereiro de 2014

W.Dias e JVC estão entre os dez que mais usaram 'reembolso' do Senado

FARRA DE GASTO DO DINHEIRO PÚBLICO: Senadores do Piauí usaram mais de R$ 400 mil

Imagem: Reprodução
Um levantamento encomendado pela reportagem da Folha de São Paulo, publicado neste domingo (02/02), mostra que Senado destinou, no ano passado, R$ 23,2 milhões para reembolsar os 81 senadores por gastos relacionados à atividade parlamentar, em uma lista que abrange quantias próximas a R$ 200 mil para despesas com consultorias, segurança e divulgação de seus atos.

Na lista dos 10 que mais usaram o "cotão", que é um valor reservado pelo senado para reembolso de gastos como passagens aéreas, aluguel de escritório, alimentação, combustível e confecção de material de divulgação do mandato, aparecem dois senadores piauiense. Para Wellington Dias, o valor reembolsado foi de R$ 442 mil, um pouco a mais que João Vicente Claudino, com R$ 436 mil.

Segundo a reportagem da Folha, por meio da sua assessoria, Wellington Dias (PT-PI) disse que o valor gasto em 2013 se dá, em parte, por sua meta de visitar, anualmente, os 224 municípios do Piauí. JVC, porém, não enviou esclarecimentos segundo o texto publicado nesta manhã.

A reportagem de Folha mostra ainda a discrepância entre os valores declarados. O senador Jader Barbalho (PMDB-PA), por exemplo, obteve R$ 185 mil a título de gasto para criação e manutenção de seu site. Entre os senadores que detalharam despesas com a mesma rubrica, a média de reembolso foi de menos de R$ 15 mil.

O senador do Pará, também discrepando dos valores médios apresentados pelos outros colegas, declarou gasto de R$ 194 mil com consultoria para "assistência técnica especializada à elaboração de estudos de caráter analítico e descritivo sobre a situação atual do desenvolvimento à luz da sustentabilidades nas regiões de integração do Estado do Pará".

Fonte: 180 Graus

 

 
Todos os direitos reservados © 2016 - FMNews.com.br
Contato: (89) 994010353 e (89) 994174202