Ultimas

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Sebastião Soares e mais dois suspeitos por sequestro são mortos em Alto Alegre do Maranhão

Equipes da Seic descobriram local pronto para cárcere na cidade.
Ambos os suspeitos eram foragidos da Justiça maranhense.

Sebastião Soares da Silva foi condenado a mais de 100 anos de prisão (Foto: Divulgação/Polícia Civil)Um dos suspeitos, Sebastião da Silva foi condenado a mais de 100 anos de prisão (Foto: Divulgação/Polícia)





Uma ação da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic) em Alto Alegre do Maranhão– a 205 km de distância de São Luís – na madrugada desta sexta-feira (12) terminou com três suspeitos por sequestro mortos. Equipes da Seic descobriram um local pronto para cárcere que serviria de esconderijo para o filho de um empresário – que não tiveram nomes divulgados pela Polícia Civil.

No confronto com a polícia, morreram Carlos Alberto Mesquita dos Santos Sousa – condenado a mais de 80 anos por roubo de carro e carro-forte –; Sebastião Soares da Silva – condenado a mais de 100 anos por sequestro e mentor do sequestro do menino Pedro Paulo Lemes, em Imperatriz, MA, em 2012 –; e Joaquim Neto Alves Leal – condenado pela prática de roubos. Ambos os suspeitos eram foragidos da Justiça.

Segundo o superintendente da Superintendência de Investigações Criminais (Seic), o delegado Tiago Bardal, os suspeitos já estavam sendo monitorados pela polícia desde o último dia 17, quando eles fugiram do Complexo de Pedrinhas. "Já estávamos no caso desde a fuga dos suspeitos em janeiro. Evitamos a execução do sequestro, mas durante a troca de tiros, os suspeitos não resistiram aos ferimentose foram à óbito", afirmou.
Na ação, foram apreendidos ainda revólveres 357 e calibre 38 e uma pistola 7,65.

No final de janeiro de 2013 “Vovô” foi preso no Piauí quando vivia tranquilamente em um sítio na localidade Passagem Funda, zona rural da cidade de Francisco Macêdo (a 402 quilômetros de Teresina, no Sertão do estado). Segundo a polícia o imóvel tinha sido comprado com dinheiro de crimes de sequestro e seria usado para mais um crime de sequestro contra um empresário da cidade de Picos (a 307 quilômetros de Teresina).

Fuga pelo esgoto
Quatro detentos fugiram, na noite do dia 17 de janeiro, do Presídio São Luís 1 - que integra o Complexo Penitenciário de Pedrinhas. Os internos teriam escapado pela tubulação da rede de esgoto da unidade prisional. Esta foi a primeira fuga de 2016.

A fuga teria ocorrido por volta das 19h30, depois que os apenados foram liberados dos pavilhões para realizarem uma faxina no pátio externo da unidade. As circunstâncias da fuga ainda são desconhecidas.

Matérias relacionadas:

Sebastião Soares que havia sido preso em Francisco Macedo, fugiu de presidio no Maranhão com mais três detentos

Sebastião Soares que havia sido preso em Francisco Macedo, fugiu de presidio no Maranhão com mais três detentos
Sebastião e demais fugitivos Sebastião Soares da Silva, que havia sido preso no dia 21 de janeiro de 2013 pelos policiais do Grupo de Repressão ao Crime Organizado no Piauí 

Acusado de tramar sequestro de empresário de Picos será levado para Imperatriz (MA)

 Acusado de tramar sequestro de empresário de Picos será levado para Imperatriz (MA)
O sítio localizado às margens da Barragem Estreito em Francisco Macedo, distante 90 quilômetros de Picos, seria a base de apoio para a quadrilha que iria sequestrar um empresário da região neste fim...

Sequestrador preso em Francisco Macedo é apresentado na SSP do Maranhão.

Sequestrador preso em Francisco Macedo é apresentado na SSP do Maranhão.
Normal 0 21 false false false PT-BR X-NONE X-NONE ...

Mentor de sequestro no MA é preso em Francisco Macedo; caso foi mostrado na Globo

Mentor de sequestro no MA é preso em Francisco Macedo; caso foi mostrado na Globo
Sebastião Soares da Silva, vulgo 'Vovô', de 60 anos(Foto PM) Foi preso nas primeiras horas da manhã desta terça-feira (22) um homem identificado por Sebastião Soares da Silva, de 60 anos. Ele é...

Fonte: G1-MA
 
Todos os direitos reservados © 2016 - FMNews.com.br
Contato: (89) 994010353 e (89) 994174202